Governo de Minas
HIV: Tratamento dentário e qualidade de vida Postada por: gabriela.eduardo, em: 6 de dezembro de 2011 às 3:07
HIV: Tratamento dentário e qualidade de vida
Pesquisa da Faculdade de Medicina da USP evidencia a importância do tratamento dentário em portadores de HIV. O estudo, iniciado em 2008, destaca alguns aspectos importantes para melhorar a qualidade de vida destas pessoas. Leia mais. Por meio de questionários respondidos por 100 pacientes, foi possível analisar os dados e constatar diferenças estatísticas entre os dois grupos estudados. Uma das conclusões é que o tratamento odontológico, sozinho, não foi capaz de influenciar na qualidade de vida dos pacientes, mas ficou evidente a necessidade de maior participação do profissional dentista na equipe multidisciplinar de atendimento a pacientes com o vírus. Foram avaliados oito domínios em relação aos pacientes dos dois grupos: capacidade funcional, aspectos físicos, dor, estado geral de saúde, vitalidade, aspectos sociais, aspectos emocionais e saúde mental. As únicas diferenças entre os dois grupos foram nos domínios da dor e da vitalidade. A partir de algumas características da doença, o profissional dentista pode ser capaz de auxiliar no diagnóstico do HIV/Aids.

Pesquisa da Faculdade de Medicina da USP evidencia a importância do tratamento dentário em portadores de HIV. O estudo, iniciado em 2008, destaca alguns aspectos importantes para melhorar a qualidade de vida destas pessoas. Por meio de questionários respondidos por 100 pacientes, foi possível analisar os dados e constatar diferenças estatísticas entre os dois grupos estudados. Uma das conclusões é que o tratamento odontológico, sozinho, não foi capaz de influenciar na qualidade de vida dos pacientes, mas ficou evidente a necessidade de maior participação do profissional dentista na equipe multidisciplinar de atendimento a pacientes com o vírus. Foram avaliados oito domínios em relação aos pacientes dos dois grupos: capacidade funcional, aspectos físicos, dor, estado geral de saúde, vitalidade, aspectos sociais, aspectos emocionais e saúde mental. As únicas diferenças entre os dois grupos foram nos domínios da dor e da vitalidade. A partir de algumas características da doença, o profissional dentista pode ser capaz de auxiliar no diagnóstico do HIV/Aids.

Informações deste artigo: Link original para esta notícia:
http://www.esp.mg.gov.br/drops/hiv-tratamento-dentario-e-qualidade-de-vida/
Tags:, , , , ,
 
Mais canais de informação:
- Acesse para mais notícias do Governo de Minas Gerais: Agência Minas e Blog.
- Acesse a Galeria de Fotos do Governo de Minas Gerais.
- Acompanhe também no www.youtube.com/governodeminasgerais
- Siga-nos no twitter.com/governomg
                 
ESP-MG